Geologia? Com muito gosto!

Março 28 2011

Aquecimento Global


     Entendemos o aquecimento global como um fenómeno climático de larga extensão, ou seja, é um aumento da temperatura média superficial global que se vem verificando desde os últimos 150 anos.

     Podem ser consideradas causas naturais (por exemplo: ciclo solar, variação orbital, el niño e la niña e vulcanismo) ou causas antropogénicas (emissão de gases poluentes para a atmosfera que contribuem para o aumento do efeito de estufa).

 

Efeito de Estufa


     O efeito estufa é o processo que a terra utiliza para manter a temperatura ao nível necessário para que exista vida no nosso planeta, tal como a conhecemos.  Os gases naturais existentes na atmosfera funcionam como uma barreira impedindo que o calor se disperse totalmente para o espaço exterior. Sem este efeito, a temperatura global média da terra seria -18°C, quando neste momento se situa nos +15°C.

     Quando existe uma perturbação nos gases de estufa da atmosfera o equilíbrio químico é afectado e tem consequências para a vida. Nos últimos anos a acção do Homem tem contribuído para que este equilíbrio fosse afectado.

 

     

Consequências do efeito de estufa para o ambiente


     Alterações nos gases de estufa levam à ocorrência de variações climáticas tais como:

  • alteração na precipitação;
  • subida do nível dos oceanos (degelos);
  • ondas de calor.

     Assim é natural registar-se um aumento de situações de cheias

 

 

Reflexão: Provavelmente o clima irá mudar, com ou sem impactos de origem antropogénica. Mas isto não deve ser um aval para o Homem continuar a degradar o meio ambiente. Por isso todos devemos ficar preocupados com estes problemas ambientais, e com a sustentabilidade do nosso planeta. Uma sociedade sustentável aponta para a necessidade de não utilizar os recursos naturais acima da capacidade de regeneração natural dos mesmos.

 

Fontes

http://www.rudzerhost.com/ambiente/images/efeitoestufa2.gif

http://aprendegeografia.no.sapo.pt/recursos_radiacao_solar_consequencias_efeito_estufa.jpg

publicado por catafilipa às 21:53

Março 23 2011

O que são?

     A alternância de períodos glaciários e de períodos interglaciários ocorridos no planeta tiveram como consequência indirecta a modificação das linhas de costa, uma vez que durante os períodos mais frios (glaciações) uma quantidade importante de água é transferida do domínio oceânico para as calotes polares, ocorrendo uma diminuição do nível médio das águas do mar e um fenómeno inverso durante o período interglaciário. Quando se verifica o recuo do mar, diz-se que ocorreu uma regressão marinha.

 

Como se distingue uma transgressão de uma regressão marinha?

     Numa transgressão, há medida que o mar vai entrando por terra a dentro, ocorre uma sequência normal onde o tamanho do grão diminui da base para o topo, uma vez que a energia do meio vai também diminuindo. Numa sequência inversa sucede o contrário com aumento do tamanho do grão da base para o topo, isto numa regressão marinha.

 

 

 

Causas de transgressão marinha

     O aumento da temperatura média global do planeta (períodos interglaciários) vai provocar quer a expansão térmica dos oceanos, quer a fusão das massas de gelo, o que origina um maior volume de água. Esta situação pode levar a uma subida do nível médio das águas e, consequentemente, ao avanço do mar relativamente à linha de costa, ultrapassando o território onde se encontrava anteriormente a faixa litoral.

 

Causas de regressão marinha

     A diminuição da temperatura média global do planeta (períodos glaciários) vai provocar quer a contracção térmica dos oceanos, quer a formação das massas de gelo, o que origina um menor volume de água. Esta situação pode levar a uma descida do nível médio das águas e, consequentemente, ao recuo do mar relativamente à linha de costa, aumentando o território correspondente à faixa litoral.

 

 

 

Reflexão: É necessário uma compreensão profunda dos diversos processos geológicos que condicionam a evolução do litoral, para proceder a um ordenamento sustentável de todas as zonas costeiras. A transgressão e a regressão marinha são problemas existentes na costa litoral e um problema da actualidade. A transgressão é provocada pelo aumento da temperatura média global. A regrssão marinha é provocada por diversos facotores como por exemplo as glaciações

 

Fontes:

http://maisbiogeologia.blogspot.com/2009_02_01_archive.html


Março 19 2011

     A espécie humana é ubíqua, existindo em todos os climas mas é um conjunto biológico homogéneo no que se refere ás suas características. Apesar desse facto, alguns autores consideram-na acentuadamente polimórfica, em relação a características de segundo plano, dando origem ao conceito de raça humana.

     Existem várias classificações de raças humanas mas geralmente existem 4 grupos básicos:

  • Caucasianos – europeus, norte-americanos e árabes, até á Índia. Estas populações apresentam, caracteristicamente pele e olhos claros, com excepção dos mediterrânicos, nariz estreito, lábios delgados e cabelo liso ou ondulado;
  • Australóides – aborígenes e povos com eles relacionados, que apresentam pele escura, variando do tom azeitona até ao quase negro, cabelo encaracolado, olhos escuros e nariz largo;
  • Mongolóides – pele amarelada, cabelos lisos, nariz de forma variada, rosto largo e achatado, olhos com prega epicântica na pálpebra superior (cuja função é proteger do clarão ofuscante da neve). Deste grupo terão derivado os índios americanos e os esquimós, através de populações que teriam migrado através do estreito de Behring;
  • Negros – pele escura, variando do tom acastanhado ao quase negro, nariz achatado, olhos escuros e cabelos crespos.

 

 

Qual a origem destas raças?

 

     Existem duas teorias que tentam explicar estas diferenças morfológicas entre as populações humanas:

  • Hipótese policêntrica – a formação da actual população humana efectuou-se em vários territórios relativamente independentes, onde vários tipos de H. erectus teriam dado origem aos principais tipos actuais;
  • Hipótese monocêntrica – o Homem actual terá surgido num território único, numa região algures entre a Ásia central e o nordeste africano, onde teria ocorrido o cruzamento de numerosos hominídeos, entre eles o H. erectus e H. sapiens, o que teria enriquecido o seu património genético. Só posteriormente se teriam formado as várias populações geográficas, que originaram as raças.

     Actualmente sabe-se que a cor da pele, por exemplo, um dos critérios mais importantes na classificação das raças humanas, resulta apenas da quantidade variável de melanina na pele. Verifica-se, portanto, uma variação quantitativa e não qualitativa, para não falar do espectro de variação dentro da mesma raça, que é muito maior que a variação entre raças.

 

Reflexão: Achámos esta imagem bastante interessante pois estão presentes três tipos de raças diferentes, mas que ao mesmo tempo são iguais. Contudo, quando dizemos «raças humanas» apenas nos estamos a basear no aspecto físico, pois esta expressaõ não tem qualquer significado biológico. Resumindo e concluindo, somos todos 'iguais', pois fazemos parte da mesma espécie e a população humana não pode ser dividida em subespécies.

 

Fontes:

http://curlygirl.no.sapo.pt/homem.htm

https://1.bp.blogspot.com/_8SPcGRBxq8w/SaHxrZVBgJI/AAAAAAAAAEA/6TAr6lg22Xg/s400/untitled.bmp


Blog por Catarina Soares e Andreia Martins (1c)
mais sobre mim
Março 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

13
14
16
17
18

20
21
22
24
25
26

27
29
30
31


Tags

«o mundo dos dinossauros»(1)

ajustamentos isostáticos(1)

anomalia(2)

anomalias isostáticas(1)

apresentação(1)

aquecimento global(1)

arcos insulares intra-oceânicos(1)

argumentos geodésicos(1)

argumentos geofísicos(1)

argumentos geológicos(1)

argumentos paleoclimáticos(1)

argumentos paleontológicos(1)

bacias sedimentares(1)

bbc life primatas(1)

biostratigrafia(1)

cadeias montanhosas(1)

caracóis(1)

carta geologica(1)

coluna litostratigráfica(1)

condições de fossilização(1)

conduçãi litosférica(1)

conservação(1)

contraccionistas(1)

convecção mantélica(1)

críticas aos argumentos de wegener(1)

deformáveis(1)

degelo(1)

dendocronologia(1)

dinâmica da litosfera(1)

efeito de estufa(1)

esboço topografico(1)

estruturas geológicas(1)

expansão dos fundos dos oceânos(1)

exposição(1)

farol da guia(1)

fauna de ediacara(1)

fendas(1)

férias(1)

fósseis de idade ou caracteristicos(1)

fossilização(1)

fotografia(5)

geo-história(1)

geologia(2)

glaciares(1)

hdr(1)

história da terra e da vida(1)

impressão(1)

incarbonização(1)

litosfera(1)

litostratigrafia(1)

macro(1)

mineralização(1)

modificações em populações humanas(1)

moldagem(1)

morfologia dos fundos dos oceânos(1)

movimentos dos glaciares(1)

movimentos horizontais(1)

nível de compensação(1)

nova aquisiçao(1)

paleomagnetismo(1)

palha(1)

panorâmica(1)

pedras(1)

peniche(1)

permanentistas(1)

petróleo(1)

polaridade(1)

primatas(1)

primeiros mamíferos(1)

principios litostratigráficos(1)

raças humanas(1)

recursos energéticos(1)

recursos geológicos(1)

recursos minerais(1)

reflexão(2)

reflexão acerca de wegener(1)

regra dos terços(1)

regressões marinhas(1)

riftes continentais(1)

rigidez(1)

sismos interplacas(1)

sismos intraplacas(1)

tabela cronostratigráfica(1)

teoria da derivas dos continentes(1)

teoria da isostasia(1)

teoria da tectónica de placas(3)

teoria das placas deformáveis(1)

tipos de exploração mineira(1)

trangressões marinhas(1)

varvitos(1)

visita de estudo(1)

todas as tags